Brasil Mundo

Correio de Jerusalém Médio Oriente UM NAVIO IRANIANO ZARPA DO BRASIL, SEGUNDO NAVIO A SEGUIR

Um navio iraniano chamado Bavand, que esteve no centro de uma disputa geopolítica entre Brasília e Teerã , partiu do Brasil na segunda-feira depois de receber combustível da estatal Petróleo Brasileiro, disse o porto de Paranaguá. 

Enquanto isso, um segundo navio iraniano, o Termeh, que zarpou do porto de Paranaguá há dois dias, estava na segunda-feira em direção ao porto de Imbituba, no sul do Brasil, onde deve pegar uma remessa de milho antes de voltar ao Irã.

Os navios ficaram isolados depois que a estatal brasileira de petróleo, conhecida como Petrobras, se recusou a vender combustível para os bunker após as sanções dos Estados Unidos contra o Irã. A Petrobras acabou cedendo em face de uma decisão da Suprema Corte. 

As partidas dos navios marcam o fim de um longo impasse. As embarcações iranianas estiveram no porto de Paranaguá por mais de 50 dias, informou a empresa de advocacia Kincaid Mendes Vianna, que representa a empresa que fretou os navios. 

Os navios devem retornar ao Irã carregando uma carga de 100.000 toneladas de milho no valor de cerca de 100 milhões de reais (US $ 26,5 milhões), disse a empresa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *