Netanyahu Política

Netanyahu: Bennett, Lapid ‘vendeu o Negev para Ra’am’

O primeiro-ministro Benjamin Netanyahu afirma que a coalizão Lapid-Bennett “vendeu o Negev para Ra’am”.

Em uma postagem na mídia social, Netanyahu apresenta um gráfico que, segundo ele, compara suas próprias concessões a Ra’am com as de Lapid e Bennett.

A postagem marca uma mudança de rumo para o Likud, que até agora afirmou repetidamente e consistentemente que nunca negociou com Ra’am.

Netanyahu afirma que Lapid e Bennett concordaram em cancelar a chamada Lei Kaminitz, que aumentou a aplicação das restrições de construção, enquanto seu próprio acordo com Ra’am não.

Ele afirma que Lapid e Bennett concordaram em reconhecer “a maioria dos assentamentos beduínos ilegais no Negev”, enquanto ele concordou apenas em “três sozinho”.

Ele afirma que Lapid e Bennett estão entregando NIS 52,5 bilhões em “financiamento estatal para o setor árabe”, enquanto ele concordou apenas em NIS 15 bilhões.

E ele afirma que, ao contrário de Bennett e Lapid, ele nunca concordou em permitir que Ra’am fizesse parte de uma coalizão – uma afirmação incorreta, de acordo com funcionários do Likud e Ra’am no mês passado -, mas apenas buscou seu apoio para uma legislação pontual por eleição de um primeiro-ministro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *